ORTODONTIA

Dentes tortos ou mal posicionados podem ser recolocados na suas devidas posições com aparelhos ortodônticos. A integração da Ortodontia com a Odontologia Estética é o que garante ótimos resultados funcionais e estéticos na correção da arcada dentária de crianças, adultos ou idosos.

PERIODONTIA

A periodontia é a especialidade que trata da gengiva e do osso que sustenta os dentes. Uma película pegajosa e incolor, a placa bacteriana, se forma continuamente sobre os dentes, sendo constituída de bactérias e açúcares. Acumulada entre os dentes e a gengiva, causa edema, sangramento e vermelhidão, no que chamamos gengivite (inflamação da gengiva). Se esta inflamação não for tratada ela pode aprofundar, deslocar a gengiva, atingindo o osso e as fibras que sustentam o dente (periodontite). A placa bacteriana pode calcificar formando o tártaro ou cálculo dental. A gengivite ou periodontite podem deixar seqüelas, alterando a forma da gengiva. O tratamento periodontal é feito com o objetivo principal de devolver a normalidade da gengiva através da raspagem de tártaro e placa bacteriana e orientação da higiene do paciente. Esta orientação é individual e personalizada, pois existem diversas situações como pacientes com ponte fixa, implantes, aparelhos ortodônticos e retrações gengivais, por exemplo. A periodontia pode, através de cirurgias plásticas, corrigir os defeitos estéticos deixados pela inflamação. Se a gengiva cresceu demais remove o excesso (plástica), se retraiu, recobre-se a raiz exposta (enxerto gengival). E no caso das cirurgias periodontais, recupera-se o osso que foi perdido pela inflamação (enxerto ósseo).

ENDODONTIA1 ENDODONTIA2

Cáries não tratadas ou traumatismos, podem levar a inflamação e morte da polpa ( vasos e nervos localizados na cavidade interna do dente ), sendo necessária a realização do tratamento endodôntico ou “tratamento de canal”, como é mais conhecido. O tratamento endodôntico, consiste na remoção, limpeza e preenchimento da cavidade interna do dente. Com o avanço das técnicas anestésicas (anestesia computadorizada) e a variedade dos anestésicos, já é possível a realização do tratamento endodôntico praticamente indolor e dependendo do caso, em uma ou mais sessões. O uso do laser terapêutico diminuiu bastante o desconforto pós-operatório e após o mesmo, o dente pode permanecer por toda a vida, desde que sejam corretamente restaurados.

Apesar de ser considerado por muitos pacientes como se fosse a “morte” do dente, a endodontia, é na verdade, a salvação do mesmo, pois nos possibilita fazer um tratamento restaurador adequado, restabelecendo a estética e função do dente.

ESTOMATOLOGIA

A Estomatologia previne, diagnostica e trata as doenças que se manifestam na cavidade da boca e no complexo maxilo-mandibular como um todo. O estomatologista está atento para o diagnóstico e o devido encaminhamento ao médico, de doenças sistêmicas que possam apresentar manifestação na boca ou que possam exercer alguma influência ou interação negativa com o tratamento odontológico.

DISFUNÇÃO

A disfunção crânio-mandibular ou disfunção da ATM como é mais conhecida, caracteriza-se, entre outros sinais e sintomas, por dor na face e na cabeça, dificuldade para mastigar e abrir bem a boca e estalos na ATM. Existem vários tipos de disfunção. As principais são aquelas que acometem os músculos mastigatórios, que realizam a abertura e o fechamento da boca e as ATMs (articulações temporo-mandibular) que unem a mandíbula à base do crânio. A oclusão ou o engrenamento dos dentes desempenha um papel importantíssimo durante a mastigação, deglutição e fonação. A ausência de dentes e a maloclusão dificultam a realização dessas funções, fazendo com que a mandíbula e as ATMs, juntamente com a musculatura, trabalhem de uma maneira tal, para compensar uma oclusão insatisfatória. Pelo fato de motivos variados causarem disfunção, o seu tratamento também é diversificado e cada caso é singular. Não se pode tratar todos os portadores de disfunção se uma única forma, pois cada um tem suas características próprias.

facetas1 facetas2

Dentes curtos e desgastados tornam o sorriso envelhecido, comprometendo a fisionomia do rosto. As facetas podem devolver o equilíbrio estético, além de promover uma melhora na mastigação e na capacidade de falar claramente. A revitalização dos dentes, por maio de facetas, torna o sorriso mais jovial.

restauração1 restauração2

Restaurações da cor do dente e técnicas de clareamento são procedimentos muito solicitados atualmente, por possibilitarem um sorriso de coloração mais uniforme, sem obturações escuras ou dentes manchados. Dispomos de equipamentos de tecnologia avançada, que fazem a leitura digital da coloração dos dentes.

implantes1 implantes2

Os métodos mais usados para colocação de um ou mais dentes perdidos são pontes fixas e implantes dentários, ambos com bons resultados estéticos.

A técnica de osseointegração é utilizada em nossa clínica desde o começo da década de 90 e atualmente o índice de sucesso está em torno de 98%.

reabilitação1 reabilitação2

Alguns problemas odontológicos precisam ser resolvidos de maneira integrada. A Reabilitação Oral é a especialidade que congraga todos os procedimentos, procurando restabelecer a oclusão funcional e aprimorar a estética, sempre respeitando as particularidades de cada paciente.

"Agradeço ao Dr. Dickson e à sua equipe, tão competente quanto ele próprio, pela dedicação profissional e cuidado, por todos estes anos. Ademais do profissionalismo, agradeço a gentileza, simpatia e respeito, pessoais.  "

JANET LOPES – CLIENTE DESDE 1993